Atenção: você pode estar engordando por comer rápido demais

By | terça-feira, maio 17, 2016 Comentar

É isso mesmo! Comer rápido demais pode fazer você engordar. Quer saber o motivo? Vem com a gente:

Como é o funcionamento do nosso organismo:

Ao comer, saciamos a tal famosa fome - um aviso do nosso organismo para abastecer o corpo com nutrientes e manter o bom funcionamento do mesmo. Mas e quando mesmo comendo muito a fome não passa?

Geralmente, quando estamos com muita fome, temos a mania de comer desesperadamente rápido, com a intenção de acabar logo com aquela fome desesperadora que assola o nosso ser. Porém isso pode não ser o ideal: o cérebro não consegue acompanhar a quantidade de comida que você está ingerindo tão rápido e, por isso, a fome vai demorar para passar do mesmo jeito que se você estivesse comendo devagar.

O nosso estômago não é tão grande quanto a gente pensa. O tamanho normal dele seria em média um punho fechado da sua mão. Olhou aí? Percebeu como aí não cabe uma pizza inteira dentro da sua mão? O que o seu estômago faz quando você come mais do que a quantidade ideal é se expandir. Ele se expande até que caiba tudo o que você está botando pra dentro.



Enquanto o seu estômago vai expandindo, seu cérebro vai acompanhando aos poucos essa expansão: e é por isso que às vezes, quando comemos demais, nos sentimos muito mais cheios uns 10 minutos depois que acabamos de comer (apesar de ter a mesma quantidade de comida no seu estômago do que 10 minutos antes).

Ou seja: ao comer rápido demais o seu cérebro não consegue acompanhar, e só depois de um tempo te avisa que você já está cheio. Daí você acaba comendo muito mais do que o necessário.

Atenção: isso é com todo mundo. Não é porque você é mais inteligente ou sagaz que o seu cérebro tem uma conexão banda larga com seu estômago.

Como fazer para emagrecer ao mudar a forma que você come


1. Coma mais devagar.


Ao comer devagar você saboreia melhor os alimentos, aprecia melhor o ato de fazer uma refeição e acaba comendo menos pois o cérebro consegue acompanhar o que está acontecendo ali no seu estômago.

2. Tempo: coma de 3 em 3 horas.


O certo é comer pouco de 3 em 3 horas - assim o seu organismo nunca está desesperado por comida e você acaba não atacando tudo o que vê pela frente, fazendo escolhas melhores e mais saudáveis.

3. Ao sair para comer na rua, divida porções.


Muitas vezes as porções de restaurante são o dobro do tamanho das porções que você comeria em casa, por isso dividir é uma ótima ideia. Além disso, ao dividir as porções de comida você também divide a conta e as calorias. Só vantagens!



Quer saber mais sobre emagrecer comendo de tudo um pouco apenas controlando o tamanho das porções? Clique aqui e veja nosso artigo sobre isso.

4. Terminou seu prato no restaurante mas ainda não está satisfeito?


Enrole um pouco, uns 10 a 15 minutinhos e veja se você ainda está com fome. Muitas vezes quando esperamos um pouco damos tempo do cérebro se “situar” com a condição atual do nosso estômago e acabamos percebendo que realmente já não estamos mais com fome.

5. Fome é diferente de gula!

Perceba a diferença entre gula e fome. Se você estiver com fome qualquer “sopa de pedra” vai servir (como já dizia minha mãe). A gula é mais específica e geralmente faz você atacar coisas gordurosas ou cheias de açúcar.



E aí, curtiu as dicas? Tem outras? Deixe nos comentários e ajude outros leitores!

0 comments :

Postar um comentário